Poezii
Romanian Voice
Lucian Blaga
Auto-retrato

Lucian Blaga está mudo como um cisne.
No seu país
a neve da criatura substitui a palavra.
A alma dele anda em busca,
em busca mudo, secular,
desde sempre,
a até aos últimos confins.

Anda em busca da água da qual bebe o arco-íris.
Anda em busca da água
da qual o arco-íris
bebe a beleza e o não-ser.

(tradus de Micaela Ghitescu, editia "Mirabila samanta", ed. Minerva, Bucuresti, 1981)

Para trás a Blaga